Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




No dia seguinte ao dia em que é celebrado o amor, intitulado como Dia de S. Valentim ou Dia dos Namorados, um casal mirandense celebrou as Bodas não de Prata, não de Ouro, não de Diamante, mas de Sâtano - a D.Rosa e o Sr. Custódio, do lugar do Padrão.

Transcrevo, na íntegra, o texto de homenagem redigido por uma das netas do casal na sua página de Facebook. O texto diz tudo, conta o essencial da história deste casal. Degraus difíceis lhes foram postos no caminho das suas vidas, mas nas palavras da neta lê-se também a ternura e a humildade de já tão raros casais.

 

"Estes jovens, o segundo casal com mais idade da freguesia onde moram, celebram 63 anos de casamento (+ 3 de safadeza com direito a uma filha de 2 anos e um com 7 meses a caminho). E ainda tem o privilégio de morar sozinhos na casa deles, que tem a história de vida gravada em cada parede... Provavelmente amam-se hoje de uma forma muito mais profunda e pura que no dia 15-02-1953... Não podem estar separados nem um minuto que já não ficam bem... Embora por egoísmo meu não goste de pensar nisso, tenho a certeza que quando um partir o outro não ficará cá muito mais tempo.
Passaram por muitas fazes menos felizes, como todos os casais e concerteza tiveram as suas crises... Mas aguentaram firme! 5 filhos (3 já tiveram de os ver partir, muito precocemente), 5 netos e o maior orgulho... 6 bisnetos! A primeira coisa que a minha avó diz a quem conhece... "Já temos 6bisnetos!!".
Eu sempre estive metida lá em casa, tinha a minha casinha, onde fazia comida com terra e "obrigava-os" a comer, a paciência que eles tinham...
Resumindo... amo-os muito, muito mesmo! 😍😍 "

Texto da neta: Alexandrina Cunha

12755079_10207112934479733_60920139_o.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)





Último comentário

  • Anónimo

    VivaEste servico esta muito irregular....mas e a e...


Notícia mais comentada